Notícias

Covid-19: morre em Curitiba, aos 33 anos, professora que deu à luz entubada

Morreu na tarde deste sábado (26) a professora da rede municipal de Curitiba, Daiana Stefhanne Costa, 33 anos, por complicações da Covid-19. Ela estava internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Vita. Daiana morreu sem conhecer a filha Catarina Vitória, que nasceu prematura de 7 meses no dia 3 de dezembro após parto de emergência por causa da Covid-19. O parto ganhou repercussão nacional, porque quando foi feito Daiana já estava entubada. A pequena Catarina ainda está internada no Hospital Santa Cruz, porque nasceu com apenas 1,5 quilos, mas já está estável. 

O corpo de Daiana foi enterrado no início da tarde deste domingo (27) no Cemitério Bom Jesus dos Passos, em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba. Daiana deixa  também outra filha de 11 anos. A família mora em Colombo. 

O marido de Daiana Helton Silva, 33 anos, que também se contaminou com Covid-19, mas não teve sintomas, pedia orações quase todos dias pelas redes sociais. Muitos amigos e familiares manifestaram pesar nas redes sociais. “Meus sentimentos Helton! Estávamos em uma corrente de oração com vocês, mas aprove a Deus levá-la. Que você e toda sua família recebam o conforto que só Deus pode dar neste momento difícil. Saiba que pra mim foi uma honra conhecer e trabalhar com sua esposa. Guardarei pra sempre a alegria e o sorriso da Dai em meu coração. Força!”, dizia uma das centenas de mensagens de pesar postadas. 

Do Bem Paraná

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo