Notícias

SEAMA notificou 100% da cidade sobre falta de limpeza em imóveis

A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente (SEAMA) notificou, via edital, todos os imóveis do município para que os proprietários promovam a limpeza, sob pena de multa. A notificação está amparada na legislação municipal. “Não é mais necessário que a notificação seja enviada ao endereço do proprietário. Basta que seja publicada no órgão oficial”, explica o diretor da SEAMA, Franco Freire Sanches.

Vencido o prazo estipulado no edital (1º de março) para que os proprietários de lotes sujos ou mal conservados promovam a limpeza, o município emitirá multas. Caso a SEAMA tenha que fazer a limpeza, além da multa serão acrescidos os custos correspondentes, que inclui a destinação dos resíduos e taxa de administração, equivalente a 20 por cento do montante dos serviços. Em caso de reincidência, dentro do prazo vigente da notificação, a multa será cobrada em dobro.

Não é nossa intenção aplicar multas, mas a responsabilidade pela limpeza dos imóveis é do proprietário”, explica o diretor. Ele lembra que a legislação considera como limpeza a capinagem, roçada mecânica ou manual da vegetação, além da remoção dos resíduos e destinação correta. “O uso de herbicidas ou similares não é considerada limpeza”, reforça.

Da Assessoria/PMCM

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo