Notícias

Quatro colégios estaduais da região de Curitiba registram surtos de Covid-19 antes da volta às aulas

Mesmo antes da retomada das aulas híbridas, marcada para o dia 1º de março, alguns colégios estaduais já registram surtos de Covid-19. Segundo a APP-Sindicato, que representa professores e funcionários da rede estadual de ensino, a contaminação aconteceu durante a semana pedagógica. Na Grande Curitiba, o sindicato identificou surtos que em quatro colégios: o Colégio Estadual Professor Julio Szymanskie, o Colégio Estadual da Colônia Murici, em São José dos Pinhais, o Colégio Olindamir Merlin Cardoso, em Fazenda Rio Grande, além do Colégio Estadual do Campo Eunice Borges da Rocha, em Araucária.

Na região de Maringá, no noroeste do Estado, pelo menos nove escolas também passarão os próximos 14 dias fechadas em quarentena porque educadores foram contaminados pelo novo Coronavírus após a realização dos encontros da Semana Pedagógica de forma presencial. “É lamentável. É um atentado à vida. Se isso aconteceu desta forma acom a presença de professores e funcionários, imagina quando estiverem os estudantes circulando?”, questiona o presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Silva Leão

O secretário de Comunicação da APP-Sindicato, Luiz Fernando Rodrigues alerta para um agravante. “Na macrorregião de Maringá, que compreende Maringá, Campo Mourão, Umuarama e os municípios entorno desta cidade, ontem havia apenas cinco leitos disponíveis para os casos graves de Covid para uma população de mais de 1 milhão de pessoas. Estamos fazendo um levantamento detalhado também da situação nos hospitais públicos e temos constantemente alertado o governador, o secretário, os deputados e prefeitos que o nosso Estado não tem condições estruturais e sanitárias de enfrentar um retorno às aulas de forma presencial”.

Os educadores já aprovaram greve a partir do dia 1º para aulas presenciais.

O Sindicato disponibilizou um formulário e um e-mail para denúncias (que podem ser anônimas) sobre as condições sanitárias das escolas. O e-mail é [email protected]

Nos próximos dias, os dirigentes do Sindicato prometem intensificar visitas às escolas para verificação de situações de descumprimento de resoluções e decretos do próprio governo e conversarão com profissionais, pais, mães e estudantes sobre as propostas da APP-Sindicato para a realização de aulas online e em defesa da vida.

Professores, diretores e pedagogos dos colégios estaduais do Paraná prosseguiram, nesta quinta (18) e sexta-feira (19), com os encontros dos dias de estudo e planejamento para o ano letivo de 2021. Na quinta, os professores passaram por uma capacitação para o uso do novo RCO (Registro de Classe On-line), um sistema de registro da frequência e das atividades desenvolvidas pelos alunos. Já na sexta-feira, eles fazem um treinamento direcionado aos protocolos de biossegurança.

Em nota, a Secretaria de Educação esclareceu que os colégios estaduais vão proceder conforme a resolução 98/2021 da Secretaria da Saúde, que prevê a “possibilidade de cancelamento das atividades presenciais de forma parcial ou total, de uma turma ou mais e, eventualmente, de toda Instituição de Ensino, conforme orientação das autoridades sanitárias locais e regionais”, na presença de casos suspeitos ou confirmados de COVID-19 na comunidade escolar ou acadêmica.

Do Bem Paraná

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo