Notícias

Com recorde de internamentos, Paraná amplia leitos e não descarta lockdown

A alta no número de internações no estado por causa da pandemia de coronavírus levou o Paraná a anunciar, no meio da tarde desta sexta-feira (19) mais 62 leitos de enfermaria exclusivos para pacientes com a doença. Desse total, 52 já estão disponíveis e outros 10 passarão a funcionar neste sábado (20). Esse reforço estrutural está concentrado na regiões Leste e Oeste. O governo, porém, não descarta ter que ampliar as medidas de restrição para ajudar a conter o avanço da pandemia.

De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o estado tem 3.037 pessoas internadas nas redes pública e privada, considerando todos os tipos de leitos. A situação das UTIs SUS é a mais delicada. Com taxa de ocupação em 89%, sobravam apenas 137 leitos nesta sexta. As enfermarias do SUS tinham 61% de ocupação, com 700 vagas disponíveis, segundo o levantamento da pasta.

Com o aumento da procura por atendimento de pacientes com suspeita ou confirmação da Covid-19, novos leitos devem ser abertos em outras regiões do estado. Na próxima semana já está prevista a abertura de 5 unidades de UTI em Sarandi e mais 6 em Francisco Beltrão. Maringá também deve ter a ativação de mais 10 vagas de UTI.

Nós não temos capacidade infinita, e se essa transmissão não for devidamente manejada, teremos de fato um colapso com falta de leitos, efetivamente”, explicou o diretor de Gestão e Saúde da Sesa, Vinícius Filipak, em entrevista ao portal G1 Paraná. Ele admite, inclusive, ampliar medidas de restrição para frear o contágio de coronavírus no estado, como aumentar o toque de recolher ou até mesmo restringir novamente as atividades. “Nenhuma possibilidade é descartada. Nós não podemos descartar a necessidade de lockdown”, complementou ele, que também ao G1 Paraná informou a intenção de abrir 26 UTIs nas próximas duas semanas.

Leitos de enfermaria

Segundo a Sesa, os leitos de enfermaria abertos nesta sexta-feira são 15 no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá; 15 no Instituto Nossa Vida, em Coronel Vivida, Oeste; 12 no Hospital e Maternidade Jesuítas; além de outros 10 na Associação de Saúde, nas cidades de Jesuítas e Mangueirinha respectivamente. Os 10 leitos que serão disponibilizados neste sábado são Hospital Bom Samaritano, em Céu Azul, também no Oeste do Paraná.

Da Gazeta do Povo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo