Notícias

Tribunal esclarece crime de mãe que matou cinco filhos e depois ateu fogo na casa

Mulher também tirou a própria vida

O xerife do condado de Greenbrier, na Virgínia Ocidental, nos Estados Unidos, esclareu nesta semana o crime que aconteceu no início de dezembro, onde uma mulher de 25 anos matou cinco crianças e depois tirou a própria vida. De acordo com informações do Daily Mail, três das vítimas eram filhos biológicos da autora do crime e dois eram enteados. A motivação teria sido a ausência do marido na casa, pois ele estava com parentes próximo de onde trabalhava.

Após tirar a vida das crianças com uma espingarda, a mulher ateou fogo na residência e ainda tirou a própria vida. Antes de cometer o crime, Oreanna Myers trocou diversas mensagens com o marido e avisou que deixou uma carta dentro do carro.

Sinto muito, Brian. Eu não era forte o suficiente para você ou esta família. Minha cabeça é assim. Sinto muito pelo meu crime maligno. Não fui forte o suficiente para lutar contra esses demônios. Muito deprimida. Coração entorpecido. Alma completamente destruída. Eu sinto muito por ter falhado com você. Lamento ter falhado com nossos garotos bonitos. Lamento não ter sido forte o suficiente”, escreveu a jovem.

Crime assustador

Além revelar a carta deixada pela mulher, o xerife contou como desenrolou as mortes. As cinco crianças – três filhos biológicos dela e dois enteado – estavam com a mãe em Greenbrier. O pai das crianças estava trabalhando e como o local de atuação era próximo a casa de parentes, resolveu ficar por lá.

Entretanto, Oreanna não passava por um bom momento. A mulher chegou a mandar mensagens para o marido. “Você não terá nada para voltar a não ser o cadáver”, na sequência a jovem assumiu que havia perdido a batalha.

Isso não é culpa de ninguém, apenas minha. Meus demônios me venceram. Desculpe, não fui forte o suficiente”, escreveu.

Casa foi totalmente destruída (FOTO: REPRODUÇÃO/ DAILY MAIL)

Logo que o incêndio começou, equipes de segurança foram até o local e controlaram as chamas. Os corpos das crianças, que tinham entre 1 e 7 anos, foram encontrados dentro da residência. Já Oreanna estava caída no jardim.

Da Tribuna do Paraná

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo