Notícias

Amor em meio ao caos: jovem pede a namorada em casamento em drive-in; vídeo

A pandemia do novo coronavírus nos obrigou a resgatar alguns costumes do passado. Entre eles os cinemas drive-in. Em Curitiba, um comerciante resolveu aproveitar o momento, que já vai ficar para a história, para também marcar a vida dele e de sua então namorada. Fez um pedido de casamento, o primeiro da cidade, no drive-in do Madalosso.

“Todas as vezes que a gente conversava sobre pedido de noivado, ela sempre pedia que eu fosse original. Com a pandemia, não saíamos de casa, nem nada, e eu tive a ideia com a minha irmã de fazer o pedido no drive-in“, contou José Gustavo da Silva.

Com a ideia em mente, tudo foi armado para dar certo. O desejo de juntar os trapos e construir uma vida juntos estava ali, muito perto de se realizar.

“Eu tinha comprado o presente para ela de dia dos namorados e seria só isso. Ia adiar a data do noivado, mas surgiu a ideia do Madalosso na semana passada”.

“Resolvi arriscar. Tudo se resolveu em cinco dias, foi muito legal”.

Foto: Lucas Sarzi/RIC Record TV Curitiba.

Pedido de casamento inédito em drive-in mobilizou a família toda para dar certo

Além da ajuda do pessoal da equipe do drive-in do Madalosso, José Gustavo teve ajuda de algumas pessoas bem próximas à noiva, mas que mantiveram segredo. “Minha irmã, melhor amiga dela, meu melhor amigo, todo mundo ficou envolvido e deu tudo certo”.

Logo após o filme, um vídeo entrou na tela sem muita enrolação: “Alice, quer casar comigo?“, dizia a frase. Mas antes que a própria jovem dissesse sim ou não, a resposta de quem acompanhou tudo foi automática: um buzinaço só.

Há quatro anos juntos, o pedido de namoro foi feito por José Gustavo no dia dos namorados em 2016. Mesmo esperando uma atitude original do namorado em relação ao pedido de casamento, a jovem estudante de nutrição não imaginou que seria tão surpreendida assim.

“Jamais imaginei. Pedi para ele ser original, mas jamais imaginaria algo assim”.

Segundo a jovem, quando viu que aquilo tudo estava acontecendo, demorou a cair a ficha. “Quando vi meu nome no telão eu fiquei boba, não entendi nada. Quando olhei, ele já estava ao meu lado, ajoelhado. Não tinha como negar, aceitei na hora“, disse Alice.

Foto: Lucas Sarzi/RIC Record TV Curitiba.

História do casal está só começando

Ao contrário dos filmes, onde lemos “the end” ao final, a história de José Gustavo e Alice está só começando. “Se eu pudesse definir nossa história num filme seria ‘Simplesmente Acontece’, é um filme que pode nos identificar. Por mais que a história não seja o que nós passamos, o ‘simplesmente acontece’ é vivo e acontece, realmente“.

Do RIC Mais

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo