Notícias

Em ação cinematográfica, bandidos cercam cidade e roubam milhões de agências bancárias; fotos e vídeo

O que foi registrado na madrugada deste sábado (2), foi a maior ação de roubo a bancos registrada em 2020 no Brasil. Não foi um roubo qualquer e sim algo extremamente organizado e articulado.

O grupo de aproximadamente 40 assaltantes, armados de fuzil paramentados com roupas táticas e contando com proteção de coletes balístico, cercou a cidade de Ourinhos, no estado de São Paulo, na divisa com o Paraná.

Como se não bastasse toda a logística envolvida por parte desta grande quadrilha, os bandidos utilizaram um drone para monitorar uma base da Polícia Militar localizada na Praça Mello Peixoto. Esta base da polícia está localizada em um ponto estratégico na esquina da Rua Nove de Julho com a Rua Dr. Altino Arantes, região central da cidade, cercada de agências bancárias. Veja o vídeo com registro de vários moradores:

No momento do ataque havia policiais no local, que se abrigaram dos disparos de fuzil efetuados. Além de atirar contra a base, a quadrilha colocou uma carga explosiva na frente da base, para evitar que os policiais pudessem sair ou tentar qualquer tipo de reação. Apesar do grande susto, nenhum policial militar ficou ferido.

A ação durou aproximadamente três horas. Seis pessoas foram feitas reféns e uma pessoa chegou a ser baleada na perna sem gravidade.

O município conta com grande sistema de monitoramento nas ruas, porém, os bandidos conseguiram desligar tudo, deixando a central de monitoramento 24 horas sem qualquer tipo de informação. Na manhã deste sábado, inúmeras pessoas reclamaram que estão sem internet, que pode ter sido afetado pelo ataque da quadrilha.

Ainda não foi apurado de quantas agências bancárias foi conseguido levar dinheiro. A estimativa é que os bandidos possam ter conseguido roubar mais de 80 milhões de reais, mas até o momento as agências não confirmam o valor.

Analisando as imagens registradas por moradores de suas janelas, é evidente notar a calma e organização do bando. Estamos falando de uma quadrilha extremamente preparada para ações. Chega a impressionar a tranquilidade em que o bando agiu. Em uma transmissão ao vivo feita pela janela de um pequeno prédio, uma pessoa narra a situação quando é interrompida por um dos assaltantes que com tranquilidade pede: “Senhora vai dormir por favor, e esse celular aí?”. A pessoa então pede desculpa e sai da janela. O bandido ainda responde: “Vai dormir…”

Em vários pontos da cidade foram encontrados estojos de fuzil .556, 762 e calibre .50, capaz de atravessar sem dificuldade qualquer tipo de blindagem e derrubar até helicópteros.

Estojos de fuzil encontrados nas ruas de Ourinhos

Outro detalhe que chamou a atenção é que diversas vitrines de lojas próximos aos bancos foram atingidas pelos disparos e quebraram. Como se não bastasse todo o caos provocado pela quadrilha, alguns moradores foram para as ruas enquanto o bando ainda disparava de fuzil para saquear as lojas que foram atingidas pelos tiros. Uma pessoa chegou a filmar a movimentação nas ruas.

Os bandidos fugiram utilizando 10 veículos e até o momento não foram localizados.

Em razão da utilização de explosivos na ação criminosa, o Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) foi acionado para as providências relativas a neutralização dos artefatos encontrados.

A Polícia Militar está empenhada nas buscas aos criminosos, com a utilização do Helicóptero Águia, além das equipes de Força Tática de toda a região.

Plantão 190

Artigos relacionados

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo