Sexta-Feira
24/01/2020
Acusado de matar namorada com tiro na boca é preso na PR-180
publicado em: 26/11/2019 - 08:49h

   A Polícia Civil de Umuarama informou na segunda-feira (25) que Renato da Silva Souza, 34 anos, foi detido na comarca de Cruzeiro do Oeste. Ele é acusado de matar a namorada Tais Puquer Miranda, 20 anos, no dia 13 de setembro, no bairro Jardim Colibri, em Umuarama. Renato fez um disparo de arma de fogo calibre 9mm na região da boca da vítima.

   Conforme o delegado Gabriel Menezes, Renato foi preso pela Polícia Militar após uma perseguição policial na rodovia. Ele estava em um comboio com três veículos preparados para o contrabando de cigarros. Na ocasião, Renato foi atuado em flagrante pelos crimes de receptação, resistência, organização criminosa e tentativa de homicídio. Contra ele havia um mandado de prisão preventiva expedido pela justiça. A prisão ocorreu na última quinta-feira (21).

   Logo após o crime, o acusado de feminicídio compareceu a Delegacia de Umuarama e armou que o disparo foi acidental. Contudo, há alguns dias a Polícia Civil informou que as investigações revelaram que a vítima estava tentando se separar do autor, mas ele não aceitava o término do relacionamento.

   “Havia entre o casal violência doméstica e Tais estava planejando sair de casa e ir morar com amigos”, disse o delegado Gabriel após a realização da Operação Halloween – desenvolvida em Umuarama no dia 31 de outubro. “Acredita-se que o suspeito descobriu a intenção da vítima em fugir e veio a executá-la”, informou a Polícia Civil.

   Durante a operação, Renato não foi localizado em nenhum dos endereços em que a Polícia Civil esteve. Por isso, era considerado foragido.

.

Prisão

   Renato foi preso por equipes do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM), na rodovia PR-323, próximo ao trevo de Cianortinho. Houve denúncias de que veículos preparados para contrabando estariam no trevo em direção a Cruzeiro do Oeste. Então os policiais militares zeram um cerco.

   Com a perseguição, os três veículos seguiram pela rodovia PR-180, sentido Goioerê. Os policiais militares conseguiram abordar um deles, que estava com uma caminhonete, e prenderam o condutor, Renato da Silva Souza.

   Dentro do carro não havia contrabando ou drogas, mas foi encontrado um radiocomunicador e o veículo teria sido roubado em maio, na cidade de Londrina. Contra o condutor havia um mandado de prisão pelo crime de feminicídio.

Fonte: O Bem Dito
Contato: [email protected]
VOLTAR
IMPRIMIR
ENVIAR
X
Meu Nome:
Meu E-mail:
Para:
E-mail:
Mensagem: