Sábado
07/12/2019
Feriado prolongado requer mais atenção no trânsito
publicado em: 14/11/2019 - 13:17h

O uso do cinto de segurança, o transporte adequado de crianças e a direção preventiva podem salvar vidas 


   O feriado prolongado da Proclamação da República (15/11) se aproxima e é sempre importante lembrar que os motoristas devem redobrar os cuidados na condução. Não associar bebidas alcóolicas e direção, não fazer ultrapassagens proibidas ou perigosas, transportar crianças, passageiros e pets de maneira correta e segura, usar o cinto de segurança e, os motociclistas não podem esquecer o capacete. Afinal, essas são as principais infrações, recorrentes, a cada feriado prolongado, conforme mostra os boletins de trânsito da Polícia Rodoviária Federal.

   Em 2018, durante a Operação Proclamação da República, a PRF retirou de circulação centenas de motoristas embriagados. Em números mais precisos, o órgão realizou 32.915 testes de alcoolemia e 750 motoristas foram reprovados. Foram fiscalizados mais de 102.396 veículos e 105.118 pessoas foram alcançadas com as orientações da polícia durante o feriadão.

   Novamente, as ultrapassagens indevidas ficaram entre os comportamentos mais perigosos percebidos nas rodovias, com 4.143 condutores flagrados e punidos. O não uso de cinto de segurança gerou a aplicação de 2.461 multas no período. Crianças transportadas irregularmente, sem bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação ocasionou a penalização de 332 condutores. A PRF também destacou que, nesse caso, houve um aumento dos flagrantes de 81% em relação ao mesmo período de 2017.

   Esses números mostram que ainda há muito o que ser feito para termos um trânsito mais seguro, e que atitudes individuais impactam diretamente no coletivo . “Apenas 5% dos motoristas são enquadrados como infratores contumazes. A imensa maioria respeita a sinalização, as leis e os demais usuários da via”, explica Luiz Gustavo Campos, especialista em trânsito e diretor da Perkons. “Lamentavelmente, a minoria causa um número cada vez maior de sinistros e óbitos no trânsito”, comenta.

   Quem busca um trânsito mais seguro pode contar, ainda, com uma excelente ferramenta, o CTB Digital, que disponibiliza de forma gratuita todo o conteúdo do Código de Trânsito Brasileiro comentado por especialistas. Nele é possível realizar pesquisas e, inclusive, tirar dúvidas.

Fonte: Lide Multimídia
Contato: [email protected]
VOLTAR
IMPRIMIR
ENVIAR
X
Meu Nome:
Meu E-mail:
Para:
E-mail:
Mensagem: