Quarta-Feira
23/10/2019
Estudante vive pesadelo ao encontrar cobra debaixo da própria cama 
publicado em: 14/09/2019 - 09:34h

Uma cobra invadiu a residência da estudante e foi parar dentro do quarto, bem embaixo da cama do cômodo.

 

   A estudante Sabrina Carriel, moradora do bairro Monte Santo, em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba, tomou um susto, nesta sexta-feira (13), que nunca mais irá esquecer. Uma cobra invadiu a residência da estudante e foi parar dentro do quarto, bem embaixo da cama no cômodo.

   Sabrina estava deitada, quando escutou sua gata fazendo um barulho alto e incomum e se levantou para ver o que estava acontecendo “Eu escutei a minha gata fazendo um barulho muito alto e que ela normalmente não faz. Então quando me virei para levantar vi a cobra saindo debaixo da minha cama e indo para dentro do guarda-roupa”, contou ela.

   Em pânico, uma saga para encontrar alguém que pudesse tirar o animal dali começou. “Liguei para os bombeiros, mas disseram que quem resolve esse tipo de chamado era a polícia ambiental. Liguei para eles, mas ninguém atendeu. Em uma nova tentativa, liguei para a polícia. Eles me passaram um outro número que seria de autoridades especializadas para esse tipo de situação e depois de mais algumas ligações, vieram até a minha casa, mas não encontraram a cobra”, disse a estudante.

   Mais tarde o pesadelo continuou, a cobra voltou a aparecer e os bombeiros foram até a casa de Sabrina. “Eles não acharam a cobra novamente e devem ter pensado que estava mentindo. Depois que foram embora, fui limpar a casa e chacoalhei uma sapateira. Foi nessa hora que a cobra saiu de dentro e veio na minha direção enquanto eu corri gritando”, relatou ela que foi socorrida por um vizinho.

   O vizinho teria entrado na casa da estudante e matado a cobra, encerrando o pesadelo vivido por Sabrina, que espera nunca mais ter que enfrentar uma situação parecida. “Espero que isso nunca mais aconteça na minha vida, porque tenho medo até de grilo, então imagine uma cobra”, finalizou ela.

Fonte: Bem Paraná
Contato: [email protected]
VOLTAR
IMPRIMIR
ENVIAR
X
Meu Nome:
Meu E-mail:
Para:
E-mail:
Mensagem: