Domingo
19/05/2019
Em C. Mourão, Biblioteca troca multa por atraso na devolução de livros por alimentos
publicado em: 14/03/2019 - 07:26h

Como tem feito todos os anos, a Biblioteca Municipal Professor Egydio Martello iniciou nesta semana mais uma campanha para tentar reaver os livros emprestados que os leitores não devolveram. Durante a campanha, que faz parte do programa Biblioteca em Movimento e vai até dia 12 de abril, a multa correspondente ao atraso na devolução é trocada por um quilo de alimento não perecível. 


“Estamos entrando em contato, por telefone e por email, com quem emprestou livros durante o ano passado e não devolveu para que compareça à Biblioteca e aproveitem esse período de anistia da multa”, conclama a coordenadora, Luciana Demeteki. Segundo ela, são 61 títulos não devolvidos emprestados apenas no ano passado, mas há muito mais de anos anteriores. Os alimentos arrecadados na campanha serão doados ao Provopar. 


A multa por livro não devolvido é de R$ 1,00 por dia. “Quem está com o livro há um ano por exemplo, teria uma multa de mais de R$ 300,00, por isso compensa aproveitar a campanha e pagar apenas um quilo de alimento”, reforça a coordenadora. A maior parte das obras não devolvidas é da área de literatura. 


Luciana lamenta que em anos anteriores a adesão à campanha foi muito pequena. “Esses livros são da Biblioteca, fazem parte do patrimônio do município e alguns são exemplares únicos. Por isso, quem não devolve está prejudicando outras pessoas que necessitam desse material”, acrescenta a coordenadora. Atualmente a Biblioteca conta com 1.299 leitores cadastrados no sistema e a média de empréstimo é de 500 livros por mês. 


BIBLIOTECA EM MOVIMENTO

Além da Campanha da Anistia, o projeto Biblioteca em Movimento tem várias outras ações durante o mês de março. Na próxima sexta-feira, dia 15, às 14 horas, haverá uma homenagem para lembrar o Dia da Mulher. 


No dia 20, às 9 e 14 horas, terá oficina com materiais recicláveis; dia 21, às 9 horas, palestra “Bem mais que 13 segundos – revenge porn e violência contra a mulher na narrativa de Bel Rodrigues; dia 22, Poetas em Casa (19h); dia 25, roda de leitura (9h) e dias 27 e 28, contações de histórias (9h30 e 14 h).

Fonte: Da Redação com Assessorias
Contato: contatocrn1cm@gmail.com
VOLTAR
IMPRIMIR
ENVIAR
X
Meu Nome:
Meu E-mail:
Para:
E-mail:
Mensagem: